quarta-feira, 14 de julho de 2010

Cirurgia com nova data

Bem que poderia ser "cirurgia com nova técnica", melhor ainda se essa "nova técnica" fosse a dispensa de qualquer procedimento invasivo. Como ainda não é possível, vamos mesmo para a faca. Foi adiada para a próxima sexta-feira, dia 16, no turno da tarde. Isso significa dizer que passarei o dia inteiro em jejum, nem mesmo água poderei ingerir. Fazer o que se era este o horário disponível por toda a equipe médica, cirurgião e anestesista.
Gostaria de ilustrar este meu momento com algo marcante, infelizmente a inspiração não tem vindo fazer-se presente nesses últimos dias. O que será isso? Por que ela estar me abandonando dessa forma? Creio que ela esteja ocupada demais nesses últimos tempos para dar-me um pouco da sua atenção. Enquanto a sua ausência permanece, tentarei pelo menos chegar a meia lauda - não quero encher linguiça, quero apenas transparecer que estou absolutamente calmo e confiante. 
Lembro da responsabilidade que assumi de passar tranquilidade a todos que aqui chegam em busca de alguma informação para o conforto da alma. Imagino alguém pesquisando sobre a cirurgia de estômago, fígado, tímpanos (as que já fiz) e de tireóide (prestes a fazer) e encontrar palavras desesperadoras... seria muito ruim para essas pessoas. Na verdade, foram procedimentos pelos quais passaei e que me credenciam para os relatos que aqui tenho feito.
Acho que estou mais ansioso com a possibilidade de relatar, posteriormente, como foi a retirada da minha tireóide do que propriamente com o ato cirúrgico em si. Se Deus quer que eu seja mais um dos seus instrumentos, só tenho que agradecê-Lo a todo momento, por esta oportunidade. Ora, se for da vontade Dele, este blog não terá continuação! E ponto final, literalmente. Mas, não sendo isso o que queremos, peço constantemente que Ele ilumine e conduza todos os passos daqueles que estarão comigo. O pensamento elevado, ajuda a obter o bom resultado, auxiliando em todas as fases de qualquer tratamento. Fé, coragem, confiança e esperança devem juntas preencher todo o nosso devaneio. Foi pensando dessa forma que estou superando as barreiras que tenho encontrado nesses últimos dois anos da minha vida.
Graças a Deus, vale lembrar, que não encontrei somente barreiras pelo caminho. Várias planícies surgiram, lindos campos também, foram muitas as vezes que vislumbrei o deitar do sol e a chegada de uma nova lua, todos radiantes de luz e de energia.

3 comentários:

Anônimo disse...

meu querido irmão, em Cristo e de sangue...venho tentar fortalecer os momentos que antecedem mais uma batalha...quero que continues firme na esperança , na certeza de que és ungido e escolhido para dar testumho da importancia da fé, da grandiosa misericórdia de DEUS,quando nos abandonamos aos seus cuidados, inteiramente...sem receios, apenas confiantes. Tudo continuará dando certo, brevemente estaras postando sobre mais uma vitória, pois assim desejamos e esperamos em DEUS.Cirúrgias sempre nos faz temer ,assim sendo é aceitável e compreensivel, mas , em nossos corações estamos cultivando o momento em que darás um novo testumnho de coragem, amor e confiança NAQUELE que sabe todoas as coisas...que nos ama, e nos cobre com Seu Manto Sagrado,, na tristeza e na alegria , beijos te amamos, eu e tua familia, Socorro leite

Mãe coragem disse...

Edson:

Estou emocionada, com tudo que encontrei aqui, e agradeço à Deus pela sua vida aqui neste mundo, agradeço por ter conhecido sua história! Você é um ser humano maravilhosamente "Humano".

Sou mãe de uma criança, de dez anos com diagnóstico de câncer no nervo óptico, e à dois anos tem se submetido a vários procedimentos médicos. Se puder visite nosso Blog:

http://sobrevivendo-a-vida.blogspot.com/

Saiba que nobres bençãos recaem sobre você neste momento e em todos os seguintes.

Edson Leite disse...

Oi Mãe Guerreira, agradeço-lhe pelas suas palavras de carinho e de generosidade. Quero dizer que não só o seu blog, como também o acrescentei na lista dos blogs que acompanho.
Mais uma vez, muito obrigado.
Abraços, Edson