domingo, 10 de outubro de 2010

Seguro de mulher

Os meus pais retornaram da cidade do Rio de Janeiro nesta sexta-feira e trouxeram na bagagem um jornal de circulação local (naquela cidade) para a minha leitura. Logo na primeira página um anúncio me chamou a atenção pelo inusitado do enunciado, pensei que poderia ser assunto de uma postagem com abordagem engraçada.

É o que vem logo à cabeça, numa propaganda de seguro de automóveis, motos, condomínios, viagem... surge um "produto" diferente: a mulher! Que tipo de cobertura? Protege contra o fogo feminino, roubo, indiferença, traição... e qual a franquia? Não dar para deixar de associar as cláusulas convencionais que sabemos existir quando contratamos um seguro, ainda mais estando no mesmo pacote do anúncio. Não foi por estratégia de markenting essa misturada, considerando algumas falhas encontradas, como Fogo e Roubo aparecendo como se fossem produtos a ser segurados. Na verdade, são eventos que estão sendo cobertos pelo risco de ocorrerem nos casos dos automóveis e outros bens. Ver a mulher ali, entre os bens materiais, passíveis de cobertura por empresa seguradora é, no mínimo, curioso. Volto à pergunta do início deste parágrafo, que tipo de seguro mais se adequa, difere de acordo com o perfil de cada uma? É mais barato para as mais as Amélias ou para as Maria Bonitas da vida?   

Hoje, movido pela curiosidade, resolvi pesquisar no site do anunciante e percebi que o engraçado transformou-se em algo de concreto e que serve, na verdade, de alerta às mulheres. Pelo que entendi, trata-se de um seguro de vida especificamente para o público feminimo. Transcrevi abaixo, in verbis, parte do enunciado encontrado no site: 

"...você mulher pode escolher dentro de um vasto menu de opções o melhor seguro de Vida Mulher para atender você que tem entre 14 e 70 anos de idade e procura a cobertura mais adequada aliada a um pacote de benefícios e serviços exclusivos para garantir sua tranqüilidade e bem estar." 

Fui mais além ao constatar, no site, um simulador de valores que varia de acordo com a idade da mulher. Apesar de indicar dos 14 aos 70, a primeira idade começa aos 19 anos e encerra aos 64. Fiz algumas simulações e percebi, usando os meus conhecimentos matemáticos e científicos (sic), que podemos representar esses valores num gráfico e determinar alguns pontos (idade) críticos, por representar maiores valores pecuniários o que, por dedução, representam as idades nas quais as mulheres devem ter mais cuidados com a sua saúde. Traduzindo o que acabo de escrever, com exemplos práticos. Uma mulher aos 19 anos, pagaria o valor do seguro (anual) em torno de R$ 137,00 e aos 21 anos, R$ 149,00. A partir dos 22 anos, esses valores vão caindo vertiginosamente até a idade de 30 anos de idade, quando é cobrada, pelo mesmo seguro, a importância de R$ 12,75... Podemos deduzir que a mulher de 30 anos é a mais saudável? Pelo menos é a que estar correndo menos riscos de eventos ruins. O seguro é em função da ocorrência dos riscos, quanto maior o risco, maior é o valor do seguro!  

De volta à análise da variação dos valores, em função da idade, ressalto que a partir dos 30 anos, os valores retomam o rumo ascendente até que aos 41 anos, dobra de valor e custa em torno de R$ 24,00. Reparem agora um fato interessante, com 42 anos o valor do seguro salta para R$ 287,00... E com 50 anos, R$ 544,00, com 60 anos, paga R$ 1.273,00 e se chegar aos 64 anos, com a conta recheiada, vai que ter que pagar R$ 1.834,00. Todos esses valores são anuais, para saber o valor médio mensal basta dividir por 12, sendo que na faixa dos 22 aos 30 anos o valor mensal é igual ao valor anual, de tão barato que é o seguro nessa faixa!

Do que foi dito acima extraimos que ocorrem ciclos de 21 anos na vida da mulher. E que a partir dos 40 anos realmente merecem todo cuidado com a sua saúde. O que era para ser uma postagem engraçada, acabou parecendo uma tese acadêmica, espero que venha a servir de alguma coisa, principalmente para as mulheres leitoras deste blog. Valeu. Fique com Deus.   

2 comentários:

Silvana Nunes .'. disse...

FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... e MEU CADERNO DE POESIAS, desejam um bom feriado para você.
Muita Luz.
Saudações Educacionais !

MÃE DE UM ANJO CHAMADO BRUNA disse...

oi sou a mãe da bruna ,vi sua mensagem obrigada
se quiser dar uma olhadinha no blog da bruna que ela fez ,diz que é para judar as pessoas que estão passando pr alguma situação dificil na vida,se chama ,superando limites,ali vç vai conhecer um pouca da sua história,e fez tb uma comunidade superando limites,
www.brunabubu463463.blogspot.com,confira vç vai gostar
como vç mensionou ,vç sabe como é dificil ter uma doença rara,então vç vai poder ajuda la bastante,neste momento que presisa
obrigada que Jesus t ilumine semre
bjos